domingo, 22 de janeiro de 2012

DUCK TALES E O TESOURO DA LÂMPADA PERDIDA

Nota 9,0 Animação com personagens clássicos e história ingênua exala nostalgia e diversão

Para quem viveu a infância intensamente entre as décadas de 80 e 90, com certeza os desenhos que passavam na TV naquela época deixaram um gostinho de saudades irresistível e sem dúvida nenhuma adaptação em longa-metragem dos tempos atuais consegue resgatar totalmente a magia daquela época, muito provavelmente porque a ingenuidade foi morrendo pouco a pouco conforme o tempo passou. Por exemplo, será que os simpáticos personagens da série animada “Duck Tales – Os Caçadores de Aventura” conseguiriam disputar espaço com as animações de hoje em dia? É bem possível que crianças pequenas conseguissem se entreter com Tio Patinhas e sua turma, mas as crianças mais velhas poderiam estranhar um pouco, contudo, vale a pena fazer o teste. Duck Tales – O Filme – O Tesouro da Lâmpada Perdida é uma excelente oportunidade para elas conhecerem a turma de habitantes de Patópolis cuja série animada foi produzida entre 1987 e 1990, esta por sua vez baseada nas aventuras em quadrinhos já existentes. No filme o milionário Tio Patinhas viaja com seus sobrinhos e o atrapalhado Capitão Bóing para o Egito em busca do tesouro de Coolei Baba. Junto com eles vai o ambicioso Dijon, que na verdade se infiltrou na viagem a pedido do feiticeiro Merlock, um homem que tem o poder de se transformar em animais e assim penetrar em qualquer lugar sem ser percebido. O tesouro é encontrado e, com dó no coração, Tio Patinhas dá para Patrícia, a filha da governanta de sua casa, um pequeno bule achado entre o ouro e as pedras preciosas para ela brincar. O que ninguém esperava é que na verdade esse objeto é uma lâmpada mágica e que dentro dela vive Geninho, um menino gênio que não pode ser encontrado por Merlock de maneira alguma para evitar que seus poderes sejam usados de forma para fazer o mal. Agora, ele vai contar com a ajuda da família de Patinhas para se esconder e tentar evitar que o malvado feiticeiro se apodere da fortuna deles.

Mantendo as características originais dos maravilhosos personagens criados pelos estúdios Disney, como a Madame Patilda, o Capitão Bóing e os pequenos aventureiros Huguinho, Zezinho e Luizinho, o roteiro de Carl Barks e Alan Burnett entretém apostando nos bons e velhos contos sobre tesouros e desertos, situações divertidas e com leves toques de suspense bem amarradas e um vilão muito interessante. O enredo ainda conta com Dijon, um personagem que, apesar de ser ganancioso e do lado do mal, é o responsável pelas cenas mais engraçadas, principalmente por causa de seu impagável sotaque impossível de se esquecer, gruda nos ouvidos. Ainda tem o elétrico e cativante Geninho, um garoto com poderes mágicos que não vê a hora de poder ser libertado de sua lâmpada e que deve agradar a criançada. Nesta aventura, o único filme protagonizado por Tio Patinhas e sua turma que faziam sucesso na TV, nos quadrinhos e em curtas-metragens, dirigida por Gaëtan e Paul Brizzi, só faltou mesmo o professor Pardal, a Maga Patalógika e os Irmãos Metralha, outros personagens clássicos da série de animação. Com tantas produções antigas voltando aos cinemas ou sendo lançadas diretamente em DVD em novas versões, tá na hora dos executivos da Disney darem uma remexida no baú e trazerem de volta ao mercado essa turma de personagens marcantes e divertidos. Certamente boas histórias já protagonizadas por essa turma seja na telinha ou nos gibis não faltam para inspirarem novos longas-metragens. Bom, enquanto o seriado de TV ou novas produções para locação ou venda são apenas sonhos dos fãs, pelo menos podemos curtir no conforto do lar Duck Tales – O Filme – O Tesouro da Lâmpada Perdida, um verdadeiro tesouro da casa do Mickey Mouse e que merece ser conhecido pelas novas gerações. Um excelente programa para toda família.

Animação - 74 min - 1990 - Dê sua opinião abaixo.

Um comentário:

renatocinema disse...

saudades da minha infância.......saudades eternas.

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...