sábado, 4 de agosto de 2012

CARA, CADÊ MEU CARRO?

Nota 1,0 Comédia adolescente investe em clichês e bizarrices e resulta em filme vergonhoso

Sinopse: Após uma festa daquelas de virar a madrugada, repleta de bebidas e sem hora para acabar, Jesse (Ashton Kutcher) e Chester (Seann William Scott), dois grandes amigos totalmente bobalhões, acordam sem ter a menor idéia do que ocorreu na noite anterior. Logo eles percebem que se meteram em uma grande confusão. Eles não encontram o carro de Jesse e partem em busca de respostas sobre o que ocorreu na noite anterior. A cada nova pista que buscam mais evidências surgem de que eles estavam totalmente fora de órbita, pois só assim para explicar como eles conseguiram roubar uma grande quantia de dinheiro de um travesti, passaram por lugares que eles não costumam frequentar e ainda colocaram as mãos em um misterioso objeto que está sendo procurado por muita gente. Agora eles precisam desfazer os mal entendidos, porém, já estão em metidos em encrencas até o pescoço. 


Comentário: Falar que esse filme é ruim é quase como fazer um grande elogio ao trabalho do diretor (se é que pode dizer que ele é um) Danny Leiner. Embora o próprio tenha confessado ter gargalhado logo na primeira leitura do roteiro, esta comédia simplesmente é péssima! Como pode haver pessoas em Hollywood que ainda investem em bobagens sem pé nem cabeça como esta? A resposta é simples: demanda. O longa custou uma ninharia e rendeu horrores nas bilheterias americanas, mas no Brasil a repercussão foi mínima. Claro que analisando com os olhos do público-alvo, os adolescentes, a fita pode até ser bacana, mas com certeza essas mesmas pessoas que tecem elogios hoje podem amanhã se envergonhar de um dia ter dado atenção a semelhante lixo roteirizado por Philip Stark que tentou renovar as comédias adolescentes através de uma história absurda inspirada em fatos que o próprio ou seus amigos viveram na juventude. Pelas situações da trama já dá para imaginar o tipo de amizades que ele tinha. Ashton Kutcher dava seus primeiros passos no mundo do cinema na época e se tornou um bom representante da geração MTV, aquela que quer saber de curtição 24 horas por dia. Seu currículo é composto por verdadeiras bombas e apenas um ou outro título que mereça destaque. Já Seann William Scott se destacou nos primeiros títulos da série American Pie e em tantas outras fitas juvenis que só servem para matar o tempo numa sessão-pipoca com os amigos. Ele precisa acordar e perceber que não terá um rostinho jovem para sempre, assim sua carreira pode ser encerrada precocemente já que ele não muda seu estilo de trabalho. Todavia a química da dupla em cena é de longe o que há de melhor neste filme e ambos convencem em seus papéis, ao contrário do restante do elenco que surge para protagonizar cenas constrangedoras de tão ridículas ou mal feitas. A pobre Jennifer Garner, ainda a espera de uma boa oportunidade, topou participar desta bobagem talvez para poder pagar suas contas. Só assim para explicar sua participação ridícula, ainda mais tendo a tira-colo a incompetente Marla Sokoloff vivendo sua irmã gêmea, cada uma de namorico com um dos protagonistas. Enfim, se você é adepto de filmes que reciclam velhas piadas que beiram ao absurdo envolvendo o mundo adolescente (ou infantil, dependendo do ponto de vista) e não quer esquentar a cabeça, invista nesse carrossel de loucuras. De tão absurdo que é, Cara, Cadê Meu Carro? pode até provocar algumas risadas, mas se for avesso a tudo isso, passe longe. Contudo, casos como este merecem aplausos, pois é preciso ter muita coragem para lançar porcarias deste nível, porém, a grana arrecadada compensa qualquer humilhação.
 
Comédia - 90 min - 2000 - Dê sua opinião abaixo.

2 comentários:

Tsu disse...

Nossa esse é um verdadeiro clássico bizarro de comédia.
Eu recomendo!

ah acaso vc já visitou o meu blog? Lembro que um Guilherme comentou em algumas postagens minhas mas como no post não havia link não tive como retornar as respostas.

Bom curti muito seu blog já estou seguindo. Se puder, me siga tambem!

http://www.empadinhafrita.blogspot.com

marcosp disse...

kkkkkkkkk, esdrúxulo e muito legal o filme, não é o Roteiro arrebatador, mas vale pela sessão da tarde, com certeza...

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...