domingo, 8 de março de 2020

UM HOTEL BOM PRA CACHORRO

Nota 3,5 Previsível e com péssimas atuações, ao menos somos poupados de cachorros falantes

Filmes cujas estrelas principais são astros peludinhos e de quatro patas tem um nicho de mercado exclusivo, porém, seu público depende da renovação. A criança que hoje se diverte vendo as estripulias de cachorrinhos fofinhos pode amanhã não ver mais graça alguma, mas certamente seu lugar como telespectador não encontrará dificuldades para ser preenchido. Talvez antenados que a infância está cada mais passageira, produtores tem deixado um pouco de lado os cãezinhos falantes e buscando mais realismo quando se tem os bichanos como chamariz. Apesar do título, Um Hotel Bom Pra Cachorro não é como aquelas velhas sessões da tarde que constrangiam com animais mal dublados e adestrados ao extremo, embora mantenha a inocência e o parco humor característicos de produções do tipo. Na trama somos apresentados aos irmãos Andi (Emma Roberts) e Bruce (Jake T. Austin), adolescentes órfãos que passam por dificuldades para encontrarem tutores para criá-los apesar de todos os esforços de Bernie (Don Cheadle), o assistente social. Muito arteiros, eles estão passando por um novo período de adaptação agora vivendo há cerca de dois meses com os desajustados Carl (Kevin Dillon)e Lois (Lisa Kudrow), roqueiros desprovidos de talento que claramente só aceitam a tarefa por conta do dinheiro que o Estado oferece. Os jovens tem como única alegria a companhia do cãozinho de estimação Sexta-Feira, mas que precisam tomar conta às escondidas dos cuidadores. Certa vez, o animalzinho descobre um hotel abandonado habitado por outros dois cachorrinhos sem donos que os irmãos decidem ajudar, mas não demora muito para estarem protegendo dezenas de outros ameaçados de serem capturados pela carrocinha e possivelmente terem como destino o sacrifício. Eles contam com a ajuda de Dave (Johnny Simmons) e Heather (Kyla Pratt), funcionários de um pet shop que ajudam a engrossar a lista de hóspedes, e também do vizinho Mark (Troy Gentile) para bolarem soluções práticas e criativas para darem conta da bicharada sem chamarem a atenção.

O argumento simples ganha força pela identificação que existe entre o drama dos irmãos e o dos cachorrinhos, afinal sejam humanos ou animais as chances de adoção quando já são crescidos são mínimas. Inspirado em um livro de Lois Duncan, o longa poderia servir como divulgação de uma campanha de adoção daqueles com poucas chances, mas o roteiro de Jeff Lowell, Robert Schoolev e Mark McCorkle, muitas cabeças para uma trama tão ligeira, não faz questão alguma de levantar questões relevantes. Produções do tipo parecem tirar proveito do fato de as crianças serem o público-alvo, assim lançam mão de diversas liberdades criativas que acabam diminuindo o interesse de outras faixas etárias. Para apreciar Um Hotel Bom Pra Cachorro não se pode exigir explicações, por exemplo, sobre como um casal sem renda fixa conseguiu entrar para uma lista de tutores ou como menores de idade arranjavam dinheiro para sustentar dezenas de cães, ainda que muitas coisas traziam de suas próprias casas. Os personagens são desenvolvidos de forma unilateral, assim desde o início sabemos quem é do bem e quem é da banda podre. Honrando o destaque no titulo, os cães são os que melhores se saem em cena, todos muito bem adestrados, fofos e carismáticos. Ainda que a hospedaria se destine a vira-latas ameaçados, diversas raças fazem seu check in no local e felizmente os animais apenas latem, evitando constrangedoras piadas, assim como o roteiro não os usa como armas para levar o público às lágrimas. Se os cachorrinhos são o bastante para alegrar a criançada, o diretor Thor Freudenthal, então fazendo sua estreia, busca entreter os pré-adolescentes não só com um romancezinho juvenil, mas também dando ao filme todo o clima de uma produção teen, o que não é necessariamente um elogio. Emma, sobrinha de Julia Roberts, não deve ter herdado o talento da tia e parece pinçada de algum seriado da Disney assim como o final surreal, embora típico para um filminho cujo principal objetivo é exaltar a fofurisse de suas estrelas... de quatro patas!

Comédia - 100 min - 2008

-->
UM HOTEL BOM PRA CACHORRO - Deixe sua opinião ou expectativa sobre o filme
1 – 2 Ruim, uma perda de tempo
3 – 4 Regular, serve para passar o tempo
5 – 6 Bom, cumpre o que promete
7 – 8 Ótimo, tem mais pontos positivos que negativos
9 – 10 Excelente, praticamente perfeito do início ao fim
Votar
resultado parcial...

Nenhum comentário:

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...